Alex Webster: Meshuggah e Jeff Loomis como melhores de 2008

3 01 2009

De 2003 a 2005, assinei uma coluna chamada “Question Of The Month” na edição grega da revista Rock Hard. Todo mês levávamos aos leitores as respostas de músicos a perguntas sobre assuntos diversos, não necessariamente relacionados à música. Logo no primeiro semestre de trabalho, quando o público sentiu a novidade, recebi várias mensagens com sugestões do que poderia ser abordado em publicações posteriores. Em um destes contatos, surgiu a idéia de procurarmos alguns artistas no final do ano para que eles nos contassem sobre aquilo que de melhor tinham escutado nos doze meses anteriores.

Novidade? Não. Listas ‘retrospectivas’ são comuns. De toda maneira, resolvi com o editor da revista que levaríamos o ordinário a um patamar extraordinário. Sintetizando: exageraríamos!

Em 2003, foram 144 convidados, resultando em um especial muito além do conceito original. A lista vazou, caiu na Internet e se tornou uma tradição de fim de ano comentada em fóruns e revistas de todo o mundo. Decidi então publicar o material on-line anualmente.

A “Question Of The Month” já era, e em 2008, por pura falta de tempo, não foi possível organizar o “Melhores do Ano”. Contudo, convoquei alguns dos participantes mais assíduos da extinta coluna para registrarem este período em que faltamos com o leitor, não deixando aqueles que se interessam pelo especial totalmente na mão. Disponibilizamos os favoritos de 2008 de Michael Kiske (Place Vendome, ex-Helloween) na semana passada, e agora é a vez do baixista Alex Webster (Cannibal Corpse, Blotted Science). Continue lendo »

Anúncios




Michael Kiske revela os seus favoritos de 2008

26 12 2008

michaelkiske4Michael Kiske, ex-vocalista do Helloween, atualmente em carreira solo e trabalhando com o Place Vendome, revelou com exclusividade ao Solada a sua lista de cinco melhores discos de 2008, comentando cada um dos álbuns que escolheu. Confira o que tocou no aparelho de som do músico este ano:
 

Oasis – Dig Out Your Soul
Michael Kiske: “Nunca gostei da arrogância dos irmãos Gallagher, mas não há como negar: quando o assunto é o legado dos Beatles, ninguém supera o Oasis. Continue lendo »